Luva com giroscópio pode auxiliar pessoas com Parkinson

Inspirado ao vivenciar a dificuldade de uma idosa com os tremores sofridos, Faii Ong médico formado pelas forças armadas britânicas e fundador da GyroGear, está desenvolvendo em parceria uma luva que pode auxiliar pessoas portadoras do mal de Parkinson. Seu desejo é atingir todos os portadores, permitindo grande acessibilidade ao dispositivo.

Faii_Ong_GyroGlove_prototype

O GyroGlove (atual nome do produto) é composto por um giroscópio localizado na parte superior da luva. Controlado por um circuito, o equipamento gera uma força de forma a balancear os tremores, possibilitando uma maior estabilidade do portador. Testes pre-liminares demonstraram uma eficiência na atenuação de até 80% dos tremores dos pacientes. Não sendo o único dispositivo do mercado a ser destinado aos portadores de Parkinson, este pode auxiliar em outras áreas, como permitir uma maior estabilidade aos usuários que requeiram uma maior precisão, como cirurgiões.

Atualmente os giroscópios ainda são bem grandes. A utilização de mini giroscópios, como os desenvolvidos por pesquisadores israelenses pode reduzir o tamanho do aparelho, além de permitir maior mobilidade. O surgimento de tais dispositivos pode auxiliar diversas pessoas, desde a atenuação dos sintomas do mal de Parkinson até ao aprimoramento das capacidades naturais.

 

Para maiores informações acesse: All About Circuits,

Luva com giroscópio pode auxiliar pessoas com Parkinson

Aluno do 2º ano de Engenharia da Computação e estagiário no Núcleo de Computação Embarcada da Universidade Positivo (NCE).

Classificado como:    

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *