Sprite: pequenos satélites poderão alcançar Alpha Centauri

As viagens inter-estelares são muito recorrentes em filmes de ficção científica, entretanto elas ainda estão bem longe de ocorrer, uma vez que a distância a ser percorrida é gigantesca e as capacidades das naves atuais ainda são bem pequenas. Entretanto Yuri Milner anunciou que pretende construir naves que alcancem Alpha Centauri em até 20 anos, viajando à 10% da velocidade da luz. Obviamente tais naves seriam pequenas e não tripuladas, parecendo-se mais com pequenos satélites.

Desse modo Sprite seria o mais próximo dessas naves, constituídas de um transceptor de rádio, células solares e um micro-controlador, os satélites possuem um tamanho semelhante à um post- it. Com o lançamento de 100 desses mini-veículos dentro de alguns meses, o comitê da Breakthrough Starshot crê que a utilização das sondas Sprite com a tecnologia Chipsat seria o ideal para alcançar a estrela vizinha dentro das próximas gerações.

kicksat-2-26

Com seu tamanho e peso reduzidos, os veículos conseguirão alcançar altas velocidades, encurtando o tempo de viagem. Seu baixo custo de construção e operação permitiria testes de possíveis pousos em outros planetas, satélites ou cometas. A tecnologia atual precisa ser muito desenvolvida para que, tanto as mini-naves quanto as passíveis de tripulação possam alcançar outras estrelas, entretanto as pesquisas e desenvolvimentos na área demonstram grandes avanços a cada nova tecnologia ou descoberta .

 

Para maiores informações acesse: Gizmodo

 

Sprite: pequenos satélites poderão alcançar Alpha Centauri

Aluno do 2º ano de Engenharia da Computação e estagiário no Núcleo de Computação Embarcada da Universidade Positivo (NCE).

Classificado como:        

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *