Nova propriedade é descoberta em teias de aranha

Estudando mais profundamente as teias de aranha, cientistas descobriram propriedades que assemelham-se à semicondutores, mas não aplicando-as aos elétrons, e sim aos sons e calor. As teias produzidas pelas aranhas sempre despertaram a curiosidade dos cientistas, apresentando resistência à tração maior que o aço de forma a ser tão flexível quanto a borracha, permitindo o desenvolvimento de materiais como o kevlar e nylon.

A nova propriedade já é bem conhecida, responsável por bloquear certas “partículas de som”, conhecidas como fônons, de forma análoga ao bloqueio de certos elétrons pelo semicondutor. Dessa forma, contam os pesquisadores, a transmissão de certas frequências de audio é impedida, não passando pelo material. O fenômeno em específico é conhecido como “gap de energia” e é encontrado em cristais fotônicos que realizam o mesmo efeito com a luz.

teia-propriedade

As estruturas do material permitem que os pesquisadores “afinem” as teias, de forma a permitir que certas frequências fluam pelo material, tendo assim o pleno controle do gap de energia. Conforme os cientistas alteraram o material, também foi possível atribuir estes fenômenos à condução ao calor. Com a sintetização destes cristais, os pesquisadores esperam desenvolver compostos isolantes mais específicos. As teias de aranha sempre despertaram a curiosidade dos cientistas, possuindo propriedades incríveis quando se comparada à seu tamanho. Diversas tecnologias ainda surgirão inspiradas nesta, que ainda há muito que se mostrar.

 

Para maiores informações acesse: Gizmodo

Nova propriedade é descoberta em teias de aranha

Aluno do 2º ano de Engenharia da Computação e estagiário no Núcleo de Computação Embarcada da Universidade Positivo (NCE).

Classificado como:            

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *