“Nanopeixe” é desenvolvido para levar medicamentos pela corrente sanguínea

A ideia de entregar medicamentos de forma extremamente direcionada, levados à partir da corrente sanguínea não é nova. Alguns protótipos com este objetivo já foram construídos. Estes apresentando em grande maioria um formato de submarino, onde são guiados por um sistema de hélices helicoidais semelhante à algumas bactérias, entretanto o modelo “peixe” demonstrou maior eficiência.

Desenvolvido por cientistas da Universidade da Califórnia, o nano robô objetiva entregar drogas em locais bem específicos, estes alcançados à partir da corrente sanguínea. O “nanopeixe” é aproximadamente 100 vezes menor que um grão de arroz e move-se à partir de um campo magnético aplicado sobre o mesmo. Para isso seu corpo é constituído majoritariamente de metais, como ouro, níquel e uma conexão segmentária de prata.

Evitando provocar uma intoxicação por metais, a equipe coordenada por Jinxing Li objetiva agora produzi-lo com materiais biodegradáveis. O desenvolvimento cada vez mais focado na nanoengenharia representa o próximo passo da área biomédica, possibilitando análises e administração de drogas cada vez mais precisas.

 

Para maiores informações acesse: Gizmodo

“Nanopeixe” é desenvolvido para levar medicamentos pela corrente sanguínea

Aluno do 2º ano de Engenharia da Computação e estagiário no Núcleo de Computação Embarcada da Universidade Positivo (NCE).

Classificado como:        

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *