Chip cerebral é implantado em paciente tetraplégico

Todos os dias nos deparamos com equipamentos que são capazes de melhorar significativamente o modo de vida das pessoas, encontramos exemplos destas tecnologias nas áreas da saúde, educação, meio ambiente, processos industriais entre outros. Tais tecnologias têm por intuito prover melhorias significativas para a vida das pessoas.

Pensando nisso pesquisadores da Universidade de Pittsburgh, Estados Unidos, realizaram pela primeira vez um implante cerebral de um microchip capaz de transmitir sinais da interação de um braço robótico para o cérebro de um paciente tetraplégico, durante o experimento, toda vez que o braço mecânico tocava um objeto os chips implantados no paciente estimulavam o cérebro do mesmo, permitindo assim que o paciente tivesse a sensação de estar tocando os objetos.

Esta pesquisa abre novos precedentes para o desenvolvimento de tecnologias de prótese para pessoas com deficiência, a equipe espera a liberação da agência americana que regulamenta o uso de equipamentos médicos nos Estados Unidos, Food and Drugs Administration, após conseguir essa liberação, os pesquisadores esperam estender o uso deste tipo de implante para quem sabe controlar próteses biomecânicas apenas com os estímulos diretos do cérebro.

 

Para mais informações, acesse: Tecmundo

Chip cerebral é implantado em paciente tetraplégico

Aluno do 4° ano de Engenharia da Computação da Universidade Positivo, estagiário no Núcleo de Computação Embarcada. Sócio fundador da empresa LEV3D.

Classificado como:                

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *