Exposição “Retratando o Invisível” no Bettega

Idealizado pelos fotógrafos Caroline Kirchner, Emanuelli Almeida, Franco Mazzali e Rafael Worell, como trabalho de conclusão do curso de Fotografia, orientado pela professora Isabelle Neri, o projeto “Retratando o invisível” traz à tona uma reflexão sobre a condição dos trabalhadores que atuam em profissões menos valorizadas na sociedade.

Data: de 21 de novembro a 5 de dezembro

Local: Loja UP – João Bettega
Rua João Bettega, 6100 – Portão

“O projeto “Retratando o Invisível” é um trabalho de conclusão de curso, apresentado ao curso de Fotografia da Universidade Positivo, que objetiva expor profissões que acabam sendo menos valorizadas em nossa sociedade, tornando assim as pessoas que desempenham esses trabalhos de certa forma “invisível”. Dessa forma, “Retratando o Invisível” traz a tona uma reflexão sobre a condição desses trabalhadores “invisíveis”, além de mostrar alguns defeitos de nossa sociedade, que pode ser cega e obtusa com essas pessoas. Tendo em vista essa proposta, o projeto busca através de imagens e áudios reais dar identidade a essas pessoas, para que o espectador sinta que por trás do mais simples trabalhador, existe um ser humano. Os fotógrafos buscaram encontrar os trabalhadores no exercício de suas funções, para que as fotografias e entrevistas fossem mais naturais possíveis. Dessa forma, foi possível alcançar um panorama fiel da realidade dessas pessoas”.

A exposição é multimídia, além das fotografias também serão disponibilizados áudios das entrevistas com os trabalhadores através de um QR-Code localizado na moldura da foto. Recomendamos que levem celulares e fones de ouvido para uma melhor interatividade com a exposição.

Essa ação está vinculada com a divulgação do curso e do Festival UPX que acontecerá em maio de 2017