Paranaense é vencedor em prêmio nacional de arquitetura

sexta-feira, 10 de fevereiro de 2017

O trabalho de conclusão de curso de Hyruan Bolsoni Minosso, do curso de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Positivo (UP), de Curitiba (PR), é um dos 5 vencedores do Opera Prima 2017. O concurso nacional de trabalhos finais de Graduação em Arquitetura e Urbanismo recebeu 417 inscrições, sendo que a premiação final também reconheceu outros quatros projetos (USP, Mackenzie, UFPE e Unievangélica/GO). Além disso, o trabalho do paranaense também é finalista do #ImagineComVidro, premiação especial para os participantes do Concurso Opera Prima. 

Orientado pelo professor Alexandre Ruiz da Rosa, o projeto de Minosso propôs a construção do Museu da Mata Atlântica, para difundir o conhecimento da vasta história natural do bioma e educar ambientalmente os visitantes. Segundo o recém-formado, a destruição progressiva dos recursos naturais provocada pelos seres humanos pode transformar o planeta Terra em um ambiente inóspito. “O edifício surge da pedra como a humanidade, se projeta ao exterior e visualiza o futuro, em conexão plena entre homem e natureza”, explica.

Para a coordenadora do curso de Arquitetura e Urbanismo da UP, Maria da Graça Rodrigues Santos, a premiação reforça o compromisso da universidade com o aluno. “O concurso só prova que estamos no caminho certo, o de dar a melhor formação ao estudante”, completa.